Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2017

Estoque bovino no estado do Rio cresce 2,5% em 2016

Imagem
Pesquisa sobre a Pecuária Municipal divulgada no último dia 28 pelo IBGE, indica crescimento de 1,4% do estoque bovino no país em 2016, com base em 2015. Já são 218,2 milhões de cabeças.  No estado do Rio de janeiro foram contabilizadas 2,4 milhões de cabeças, ou 2,48% do total. A figura mostra a participação % do estoque  bovino nos cinco principiais municípios fluminense em relação ao estoque total do estado em 2013 e 2016. Campos dos Goytacazes com o maior estoque físico (248,0 mil cabeças), aumentou a sua participação de 10,20% em 2013 para 10,29% em 2016. Itaperuna e Valença ampliaram suas participações, enquanto Macaé São Fidélis perderam participação no mesmo período.

Preço do barril de Petróleo Brent em queda na última semana de setembro

Imagem
O preço do barril de petróleo Brent não conseguiu reagir nos últimos quatro dias. O mercado fechou a semana com queda de 0,86% em relação ao dia anterior. Mesmo em queda, foi observado uma valorização de 7,55% em setembro, considerando a última cotação em relação a cotação do primeiro dia do mês.

Dólar fecha em R$3,17 no último dia útil de setembro

Imagem
O dólar comercial fechou a semana em R$3,166 para venda, com redução de 0,5% em relação a quinta feira. A valorização no mês foi de 0,6% considerando a última cotação em relação a cotação do primeiro dia do mês.

A taxa de desocupação no trimestre junho-julho-agosto foi de 12,6%

Imagem
A taxa de desocupação no trimestre junho-julho-agosto atingiu 12,6%. Esta taxa é maior do que a taxa de 11,8% apurada no mesmo trimestre do ano passado. Apesar da trajetória crescente observada no trimestre ao longo do período 2012 a 2017, quando comparada com a taxa do trimestre imediatamente anterior (março-abril-maio) observa-se queda de 13,3% para 12,6%.

A Bacia de Campos ainda atrai investidores estrangeiros?

Imagem
O leilão das hidrelétricas e do petróleo deu um impulso importante no caixa do governo. Ingressaram R$15,8 bilhões, sendo R$12,0 bilhões relativos as usinas hidrelétricas e R$3,8 relativos ao petróleo. Dos 287 blocos disponibilizados, só foram leiloados 37 blocos, ou seja 12,9%. Uma demonstração que os investidores querem negócios com baixo risco. No caso da Bacia de Campos, a quatro décadas em operação, dos 10 blocos disponibilizados, foram leiloados 8 blocos para a Petrobrás e a americana Exxon no valor de R$3,6 bilhões, dos R$3,8 totalizados. Duas questões são importantes nesses dados. Primeiro que os blocos arrematados pelo consorcio Petrobrás - Exxn está em uma área potencial de reservas do pré-sal; segundo ficou claro o desinteresse pelos outros blocos que representam operações de maior risco.  Definitivamente, o bom resultado do leilão não representa o renascimento da Bacia de Campos. O interesse maior está realmente nos negócios com o pré-sal na Bacia de Santos.
Imagem: G1 Econom…

O preço do barril de petróleo fechou em queda nesta quinta feira

Imagem
O preço do Barril de Petróleo Brent caiu 0,24% nesta quinta feira, em relação ao dia anterior. A valorização no mês bateu 8,47% considerando a última cotação em relação a cotação do primeiro dia do mês.

O dólar fechou a quinta feira em R$3,18

Imagem
O dólar comercial para venda caiu 0,38% nesta quinta feira, em relação ao dia anterior. A valorização no mês é de 1,11% considerando a última cotação em relação a cotação do primeiro dia do mês.

O preço do Barril de Petróleo fechou em US$57,36 nessa quarta feira

Imagem
O preço do Barril de Petróleo Brent fechou em US$57,36 nesta quarta feira. A queda foi de 1,26% em relação ao dia anterior. Apesar da queda recente, a valorização no mês é de 8,74% considerando a última cotação em relação a cotação do primeiro dia do mês.

A cotação do dólar fechou em R$3,194 nesta quarta feira

Imagem
O dólar comercial para venda fechou a quarta feira com crescimento de 0,88% em relação a cotação do dia anterior. A valorização da moeda no mês bateu 1,49% considerando a última cotação em relação a cotação do primeiro dia.

O preço do petróleo se retrai nesta terça feira no mercado

Imagem
O preço do Petróleo Brent fechou a terça feira em queda. A retração foi de 0,94% em relação ao preço fechado ontem no mercado. Apesar da retração, a valorização no mês é de 10,12% considerando a última cotação em relação a cotação do primeiro dia do mês.

Dólar comercial fecha em R$3,166 nesta terça feira

Imagem
A cotação do dólar comercial para venda fechou a terça feira com crescimento de 0,25% em relação a última segunda feira. A valorização em setembro é de 0,6%, considerando a última cotação em relação a cotação do primeiro dia do mês.

O papel do investimento nas empresas como suporte do crescimento econômico

Imagem
Relatório da OCDE projeta um crescimento global de 3,5% este ano e 3,7% em 2018, com a produção industrial e o comércio acelerando a recuperação dos gastos com tecnologia.  O crescimento entre entre as principais economias avançadas contínua no mesmo ritmo. Nos Estados Unidos o crescimento estimado é de 2,1% em 2017 e 2,4% em 2018, apoiado por maiores gastos de consumo e investimentos nas empresas.  Na área do Euro o crescimento estimado é de 2,1% em 2017 e 1,9% em 2018. A Itália deverá crescer 1,4% este ano e 1,2% em 2018 também sob impulso do crescimento no consumo e investimento. O crescimento na China foi revisado para cima, projetando 6,8% em 2017 e 6,6% em 2018. Os investimentos em infraestrutura na China e a recuperação de alguns produtores de commodities tem tido impactos importantes para os países emergentes, dentre eles o Brasil. Entretanto, a sustentabilidade desse processo depende da manutenção dos investimentos nas empresas, que tem sido um fator crítico.

Preço do Petróleo Brent atinge US$58,64 nesta segunda feira

Imagem
O preço do barril de Petróleo  Brent fechou a segunda feira com a maior alta do mês. O crescimento foi de 3,24% em relação ao preço da última sexta feira. No mês a valorização alcançou 11,17% considerando o último preço em relação ao preço do primeiro dia do mês.

Dólar bate US$3,158 nesta segunda feira

Imagem
O preço do dólar fechou nesta segunda feira com um crescimento de 0,96% em relação ao fechamento da última sexta feira. A valorização do preço para venda em setembro foi de 0,35%, considerando a última cotação e a primeira cotação do mês.

Quantidade produzida de Lavoura Temporária no Rio de Janeiro em 2016

Imagem
A redução da área colhida da agricultura temporária no estado do Rio de Janeiro e região Norte Fluminense, no triênio 2014 a 2016, refletiu na quantidade produzida em toneladas, no mesmo período. Os dados são dos municípios de Campos dos Goytacazes e São Francisco de Itabapoana, cuja representatividade é em torno de 70% do total do estado do Rio de Janeiro. A queda da produção em Campos chegou a 54,79% em 2016 com base em 2014 e em São Francisco, a queda foi de 25,75% no mesmo período. No estado a queda da produção atingiu 44,37%. Dos cultivos mais representativos em termos de volume, a cana-de açúcar apresentou uma queda de 47,43% no estado, queda de 54,8% em Campos e queda de 25,93% em São Francisco de Itabapoana. O abacaxi apresentou queda na produção de 15,59% no estado, queda de 46,26% em Campos e queda de 14,29% em São Francisco de Itabapoana, enquanto a Mandioca, apresentou queda de 19,07% no estado, queda de 57,13% em Campos e queda de 37,14% em São Francisco de Itabapoana em 2…

Evolução da área colhida no estado do Rio de Janeiro

Imagem
A setor agrícola tem encolhido fortemente no estado do Rio de Janeiro. A área colhida de lavoura temporária caiu 34,96% em 2016 com base em 2014. A região Norte Fluminense, a mais representativa do estado, perdeu 38,13% da área colhida em 2016 em relação ao ano de 2014. Entre os municípios de maior expressão em termos de área colhida, Campos dos Goytacazes retraiu 43,64% em 2016 com base em 2014, enquanto são Francisco de Itabapoana encolheu 16,85% no mesmo período. A cultura preponderante na região é a cana-de-açúcar que regrediu 43,50% em 2016 no município de Campos dos Goytacazes e 11,1% em São Francisco de Itabapoana no mesmo período. A retração da área colhida não está relacionada a inserção de novas tecnologias e sim do desanimo dos produtores que atuam de forma isolada e com apoiamento limitado dos governantes.

O papel do setor açucareiro no emprego em Campos dos Goytacazes

Imagem
A cadeia produtiva canavieira exerce papel essencial na geração de emprego formal em Campos dos Goytacazes. Mesmo operando com muitas dificuldades, o setor é importante em função da natureza de sua organização. Portanto, repensar novas possibilidades competitivas é fundamental.  Como podemos observar, no período da safra da cana-de-açúcar, neste ano, de abril a julho, o setor agropecuário se destacou na geração de novas vagas de emprego. O saldo total de janeiro em março foi negativo, com o setor agropecuário não apresentando relevância. De abril a julho, o setor empurra o emprego total, voltando a perder importância no período posterior. Importante observar que a ocorrência de novas vagas de emprego se dá quando o setor está alta. O funcionamento da cadeia aciona as atividades de serviços de manutenção, transporte, comércio e outras correlatas.

A reflexão sobre o desenvolvimento da região Norte Fluminense precisa dar um passo a frente

Imagem
A economia da região Norte Fluminense tem sido discutida, já a algum tempo, a luz de fundamentos modernos, entretanto com uma visão tradicional que parece inibir as possibilidades de avanço. Como exemplo, o consenso sobre a necessidade do uso de novas tecnologias para a revitalização do setor agrícola (cana-de-açúcar), tais como, máquinas colheitadeiras, drones, e outros equipamentos. Paralelamente, elementos como a pesquisa de novas plantas e alternativas de financiamento também são considerados como importantes, porém são insuficientes.
As lideranças pecam quando ignoram as tecnologias de gestão e a natureza do problema do subdesenvolvimento da região. O problema é multidisciplinar, exigindo um conjunto de conhecimentos que possibilite uma visão sistêmica e possibilidades reais de formulação de políticas públicas para êxito do setor.
De forma direta, as condições espaciais, na visão tradicional, são incompatíveis com o uso de novas tecnologias. O pensamento é microeconômico, ou seja, …

O preço do petróleo fechou em alta nessa sexta feita

Imagem
O preço do Barril de Petróleo Brent fechou a semana em alta. O crescimento nesta sexta feira foi de 0,56% em relação a cotação do dia anterior. A valorização no mês é de 7,68% considerando a última cotação com base na cotação do primeiro dia do mês.

O dólar fechou a semana em queda

Imagem
O dólar comercial para venda fechou a semana em queda. A retração foi de 0,48% em relação ao dia anterior. A desvalorização da moeda, considerando a última cotação e a cotação do primeiro dia do mês é de 0,6%.

Emprego na região Norte Fluminense em agosto

Imagem
O emprego melhorou na região Norte Fluminense. Foram gerados 100 novas vagas em agosto, puxadas por Macaé que gerou 682 novas vagas no mês. Na contra mão, Campos dos Goytacazes eliminou 564 vagas, São Fidélis eliminou 65 vagas e Quissama eliminou 16 vagas no mês. Além de Macaé, Carapebus gerou 8 vagas, São Francisco gerou 6 novas vagas  e São João da Barra gerou 49 novas vagas de trabalho no mês. No acumulado, a região permanece com saldo negativo. A região perdeu 6.340 vagas de emprego no período de janeiro a agosto, onde Macaé foi responsável pela eliminação de 7.523 vagas. Com saldo positivo Campos gerou 1.132 vagas, com a industria de transformação e o setor agropecuário contribuindo positivamente; São Francisco de Itabapoana gerou 163 vagas e São João da Barra gerou 170 vagas, com destaque para o setor de serviços.

O estado do Rio de Janeiro eliminou 3.400 vagas de emprego em agosto

Imagem
O estado do Rio de Janeiro eliminou 3.400 vagas de emprego em agosto. A construção civil foi responsável por 67,4% seguido pelo setor de serviços com participação de 25,2% e pelo comércio com uma participação de 19,9% das vagas eliminadas no mês. Somente a indústria de transformação gerou um saldo positivo de 660 vagas de emprego no mês. O estado ficou em penúltimo lugar, acima somente do estado de Minas Gerais que eliminou 9.445 vagas no mês.  O país gerou 35.457 novas vagas de emprego em agosto.

Evolução do preço do Petróleo Brent

Imagem
O preço do Petróleo Brent cresceu 0,52% nesta quinta feira, em relação ao dia anterior. A valorização no mês é de 7,07% considerando a última cotação em relação a cotação do primeiro dia do mês.

A cotação do dólar avança nesta quinta feira

Imagem
O dólar comercial para venda cresceu 0,42% nesta quinta feira em relação ao dia anterior. A desvalorização considerando a última cotação atingiu 0,13% em relação a cotação do primeiro dia do mês.

Dólar segue com dificuldade de reagir no mercado

Imagem
O dólar comercial para venda caiu 0,22% nesta quarta em relação ao dia anterior. A desvalorização considerando esta última cotação foi de -0,54% em relação a primeira cotação do mês.

Segue avançando lentamente o preço do Barril de Petróleo

Imagem
O preço do barril de petróleo brent fechou a quarta feira com um crescimento de 1,46% em relação ao dia anterior. A valorização considerando essa última cotação é de 6,5% em relação a cotação do primeiro dia do mês.

Cotação do Petróleo Brent na terça feira

Imagem
O preço do Petróleo Brent voltou a apresentar queda de 0,11% nessa terça feira em relação a segunda feira. A valorização da última cotação ´e de 5% em relação ao primeiro dia do mês.

Fechamento do dólar comercial na terça feira feira

Imagem
O dólar comercial para venda fechou a terça feira com um leve crescimento de 0,1% em relação a segunda feira. A desvalorização da moeda, considerando a última cotação é 0,32% em relação ao primeiro dia do mês.

Cotação de produtos agrícolas no Ceasa-RJ.

Imagem
Os preços dos produtos agrícolas selecionados no Ceasa-RJ, abriram a semana no mesmo patamar das cotações da última sexta feira, com exceção da Batata Inglesa e da Banana Prata. O preço mínimo da batata caiu de R$40,00 para R$30,00 enquanto o preço mais comum também caiu de R$40,00 para R$35,00 e o preço máximo caiu de R$50,00 para R$40,00 o saco de 50 kg.  Já a banana prata aumentou o preço mínimo de R$ R$30,00 para R$32,00 o saco de 25 kg.

Cotação do Petróleo Brend nesta segunda feira

Imagem
O preço do Barril de Petróleo Brent iniciou a semana com uma leve queda de -0,20%. Entretanto, na comparação com a cotação do primeiro dia do mês, observa-se uma valorização de 5,1% no fechamento do mercado nesta segunda feira.

Cotação do dólar nesta segunda feira

Imagem
A moeda americana começou a semana em queda, porém reagiu fechando a segunda feira com um crescimento de 0,58% para venda, em relação a última sexta feira. Em comparação com o preço do primeiro dia do mês, observa-se nesta última cotação, uma desvalorização -0,41%.

As evidentes dificuldades da Bacia Petrolífera de Campos

Imagem
A importância da produção de petróleo na camada pré-sal, se manifesta na distribuição das parcelas de participações especiais, definidas como compensação financeira extraordinária em função dos grandes volumes de produção. A sua participação relativa na remuneração total transferida pela ANP aos principais municípios produtores do estado do Rio de Janeiro, acentua a evolução da produção de petróleo na Bacia de Santos (pré-sal) e, consequentemente, a perda de produtividade da Bacia de Campos (pós-sal).   Destacam-se como beneficiários do pré-sal os municípios de Maricá, onde o valor das participações especiais representou 80,99% da compensação total recebida e Niterói com 81,76%. Já nos municípios beneficiários do pós-sal, Campos registrou uma participação das participações especiais de 47,03% da compensação total, enquanto que em Macaé essa mesma parcela atingiu somente 2,3% do total recebido de compensação total.  Fica evidenciado que é urgente a busca de alternativas de novas receitas…

A dinâmica do crédito no setor agropecuário nos municípios selecionados do Rio de Janeiro

Imagem
Os saldos das operações de crédito e os valores alocados nas atividades agrícola e pecuária para custeio e investimento, em junho deste ano, são apresentados na tabela ao lado. Para tentar identificar os municípios com maior perfil agropecuário calculamos a relação percentual entre esses valores. Conforme podemos ver no gráfico, São Francisco de Itabapoana se destaca com o equivalente a 15,15% alocados na agricultura e 7,12% na pecuária. São Fidélis apresenta uma alocação de 8,6% na pecuária de 1,6% na agricultura, enquanto Itaperuna alocou 8,2% na pecuária e 0,17% na agricultura.  Parece que a falta de organização do setor agropecuário inibe uma maior captação de crédito, com consequências sérias ao desenvolvimento da produtividade setorial.

Desaceleração da indústria chinesa acende o sinal amarelo para os fornecedores de minério de ferro

Imagem
Desaceleração da economia chinesa freia os preços das commodities. As taxas de crescimento da produção industrial e investimento em infraestrutura em queda levou preocupação aos fornecedores de insumos industrias. No caso específico do minério de ferro onde a queda no preço foi de 3,4% no dia dia 14, é um fator de preocupação para o Rio de Janeiro, especialmente para a infra estrutura portuária do Açu e de Itaguaí, por onde escoa volumes relevantes da commoditie minério de ferro e outros metais não ferrosos.

Preços dos produtos agrícolas selecionados no Ceasa-RJ

Imagem
A cotação dos preços agrícolas (hortaliças e frutas) selecionadas no Ceasa-RJ, nesta sexta feira, mostrou crescimento nos preços da berinjela especial, no preço mais comum do alho, nos preços mínimo e máxima da batata inglesa, nos preços do abacaxi e no preço máximo da laranja pera.

Barril de Petróleo Brent fecha a semana em US$55,55

Imagem
O preço do petróleo Brent fechou a semana em alta de 0,49% em relação ao dia anterior. A valorização no mês é de 5,3% considerando a última cotação em relação a cotação do primeiro dia do mês.

Dólar comercial para venda fecha a semana em US$3,12

Imagem
A cotação do dólar comercial para venda fechou nesta sexta feira com crescimento de 0,03% em relação a cotação de ontem. A desvalorização da moeda americana é 0,99% em relação a cotação do primeiro dia do mês.

Pagamento de tributos bate R$1,5 trilhão no país

Imagem
Foto: Fecomércio.com.br

O Impostômetro fixado na Associação Comercial de São Paulo contabilizou neste ano, até o dia 14.09 as 19:50 um montante R$1,5 trilhão de impostos pagos pelos brasileiros.  Este montante equivale ao pagamento de tributos (impostos, taxas, contribuições, multas, juros e correção monetária) pagos pela população aos cofres da União, dos Estados e municípios, desde do primeiro dia do ano. Este mesmo valor foi arrecadado no ano passado até 06 de outubro, o que quer dizer que a tributação avançou esse ano, mesmo com a economia reprimida. Lembram do ditado? "Farinha pouca, meu pirão primeiro!"

Terceira Via debate agricultura em Campos

Endividamento do estado do Rio de Janeiro em 2017

Imagem
O endividamento público do estado do Rio de Janeiro chegou a R$83,0 bilhões em junho deste ano. Este valor é maior 3,44% do que o valor contabilizado em janeiro do mesmo ano. O endividamento do município do Rio de Janeiro representou 9,56% do valor do estado em junho, com queda da participação em relação a janeiro do mesmo ano.

Cotação de hortaliças e frutas no CEASA nesta quinta feira

Imagem
Os preços dos produtos agrícolas (hortaliças e frutas) selecionados, nesta quinta feira, mantiveram o mesmo nível da última quarta feira, com exceção da batata inglesa que subiu o preço máximo de R$40,00 para R$45,00 a embalagem de 50 kg e da cebola que subiu o preço mínimo R$25,00 para R$26,00 a embalagem de 20 kg.

A cotação do do barril de Petróleo Brent segue em alta no mês

Imagem
O preço do barril de petróleo fechou em alta nesta quinta feira. O crescimento foi de 0,24% em relação ao dia anterior. A valorização atingiu 4,8% considerando a cotação do dia 01.

Dólar comercial termina a quinta feira em queda

Imagem
A cotação do dólar comercial fechou em queda no mercado, nesta quinta feira. A retração da moeda para venda foi de 0,76% na comparação com o dia anterior.

Preço do barril de petróleo atinge a maior cotação em setembro

Imagem
O preço do barril de Petróleo Brent no mercado fechou em US$55,15 nesta quarta feira, a maior cotação deste mês. O crescimento foi de 1,57% em relação a última terça feira. O crescimento da moeda americana tem reflexo direto na evolução do preço da commoditie.

O preço do dólar comercial continua em crescimento

Imagem
A cotação do dólar comercial continua em evolução. A variação da moeda para venda atingiu 0,32% nesta quarta feira, em relação ao dia anterior. A continuidade da valorização da moeda favorece as exportações.

Cotação de hortaliças e frutas selecionadas no Ceasa - RJ

Imagem

Consumo na base da recuperação da economia

Imagem
A retomada da economia via consumo tem carácter de curto prazo. A redução dos juros e a queda da inflação representam o combustível da retomada que precisa ser empurrada pelo investimento privado e criação de novas vagas de emprego. Apesar da sensação de descolamento da economia da politica, a confiança dos empresários no futuro próximo do país precisa ser internalizada, assim como as alternativas de crédito de longo prazo, para que o crescimento econômico possa ganhar uma condição de sustentabilidade.  A situação ainda é nebulosa!

O preço do petróleo Brent voltou a subiu nesta terça

Imagem
O preço do barril de petróleo Brent cresceu 0,99 nesta terça feira. A valorização do barril atingiu 2,94% comparativamente ao primeiro dia do mês.

A cotação do dólar comercial avançou nesta terça feira

Imagem
O dólar voltou a crescer nesta terça feira. A variação na modalidade venda foi de 0,77% em relação a cotação de segunda feira. Em relação ao primeiro dia do mês, a desvalorização atingiu 0,57%.

Dom Américo homenageado na ACL pelos cinquenta anos de vida artística

Imagem
Uma noite excepcionalmente cultural nesta segunda feira, na Academia Campista de Letras (ACL) em Campos dos Goytacazes. História, música e poema deram o tom da merecida homenagem feita pela ACL ao iluminado Oswaldo Américo de Freitas ou Dom Américo, pelo seus 50 anos de carreira artística. Segundo o presidente Helio Coelho o Dom é a verdadeira expressão cultural de Campos. É um verdadeiro "Cabrunco" (expressão carinhosa dirigida aos campistas com pertencimento). Outra veia importante do meu amigo Dom que confirmei nessa noite é de que ele é um excelente contador de história. Que memória! Lembrando a sua trajetória musical, relatou e cantou a sua participação no conjunto sanjoanense The Kings, do qual fiz parte, além das diversas fases de sua brilhante carreira pelo país.  Fiquei muito feliz em rever e ouvir a bela voz do amigo artista Dom Américo e de ouvir o presidente Helio Coelho defender a necessidade de popularizar a ACL, atraindo estudantes e toda a população para evento…