Flutuação do emprego formal no período de janeiro a março em São João da Barra

O governo atual em São João da Barra implementou elevados gastos para incentivar o turismo no primeiro trimestre do ano, cujos resultados concretos ficaram longe dos propagandeados. Parceria público privado, subvenções, eventos, nada animou a economia. Vejamos a figura a seguir, com os dados de emprego no primeiro trimestre, segundo o Ministério do Trabalho.













O Município gerou 85 novas vagas de emprego no período de janeiro a março deste ano. Olhando os setores, podemos observar que somente as atividades de serviços geraram saldo positivo, ou seja, 328 vagas. Dentre as ocupações com maiores saldos estão o de coleta de lixo com 215 vagas, motorista de furgão com 34 vagas, varredor de rua com 22 vagas, ajudante de motorista com 21 vagas e alinhador de produção com 19 vagas. Vejam que as ocupações demandadas com maior número de vagas não tem nenhuma relação com turismo. As contratação tem relação com a administração pública e a motivação, exatamente a troca de governo.
O comércio que estaria alinhado com o turismo, eliminou 9 vagas no período. Isso comprova que queimamos dinheiro público nesse trimestre.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SITUAÇÃO DA PECUÁRIA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO EM 2012

São João da Barra: uma coletividade oprimida politicamente que dá sinais de reação

Porto do Açu em alta e deterioração do comércio em São João da Barra