Emprego formal na região Norte Fluminense em feveriro

A região Norte Fluminense continuou eliminando vagas de emprego formal em fevereiro, porém em um volume menor. Foram eliminadas 457 vagas de emprego em fevereiro contra 731 vagas em janeiro desse ano. Campos e Macaé lideram o resultado negativo, só que em janeiro a liderança ficou com Campos, enquanto em fevereiro a liderança ficou com Macaé.
No acumulado de janeiro a fevereiro, Macaé eliminou 547 vagas, sendo 479 vagas na construção civil, 291 vagas no comércio e 263 vagas na industria extrativa mineral. Já o setor de serviços criou 350 vagas, a indústria de transformação criou 132 vagas e o setor agropecuário criou 8 vagas no acumulado do ano.  
Campos dos Goytacazes eliminou 286 vagas no comércio, 223 vagas na construção civil, 60 vagas na indústria de transformação e 15 vagas na indústria extrativa mineral. Saldos positivos de criação de empregos ficaram por conta do setor agropecuário com 21 novas vagas e no setor de serviços com 2 vagas criadas no período.
A região tem um saldo negativo correspondente 1.188 vagas de emprego eliminadas nos dois meses de 2017. 
O estado do Rio de Janeiro eliminou 34.644 vagas e o país eliminou 5.252 vagas.
Em janeiro, o Rio de Janeiro eliminou 26.472 e o país 40.864 vagas de emprego. Conforme podemos observar, o resultado no país foi positivo em fevereiro, com a criação de 35.612 novas vagas de emprego, enquanto o estado do Rio eliminou 8.172 novas vagas. O quadro positivo do emprego no país ficou bem longe do estado do Rio de Janeiro que é receptor de investimentos em setores estratégicos como petróleo e atividades portuária.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como um discurso descuidado induz a erros grosseiros!

SITUAÇÃO DA PECUÁRIA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO EM 2012

Porto do Açu em alta e deterioração do comércio em São João da Barra