Receitas semestrais de royalties de petróleo

As receitas de royalties em milhões de reais (parcelas mensais) recebidas pelos municípios de Campos, Macaé e São João da Barra, no primeiro semestre de cada ano, são apresentadas no gráfico. Observa-se uma trajetória crescente de 2010 a 2014, com declínio acentuado nos anos de 2015 e 2016. 
A evolução das linhas mostram que, apesar da forte queda das receitas nos últimos dois anos, a comparação entre 2016 e 2010, indica uma queda de 45,5% em Campos, queda de 29,1% em Macaé e queda de 28,7% em São João da Barra. Considerando uma média de dependência de 60% desses municípios às receitas de royalties, a queda no contexto do orçamento foi de 27,3% em Campos, queda de 17,5% e queda 17,2% em São João da Barra.
Uma conclusão que podemos chegar é de que a evolução ascendente das receitas de royalties impulsionou um crescimento muito forte no custeio. Como não houve um bom planejamento, a crise do setor nocauteou as finanças dos municípios produtores de petróleo.  

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como um discurso descuidado induz a erros grosseiros!

SITUAÇÃO DA PECUÁRIA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO EM 2012

Porto do Açu em alta e deterioração do comércio em São João da Barra