O perfil do emprego na região Norte Fluminense em junho

O Ministério do Trabalho apresentou os dados de emprego formal no primeiro semestre de 2014. Foram gerados no país 588.671 postos de trabalho no primeiro semestre deste ano. O Estado do Rio de Janeiro gerou 5.390 empregos em junho e 25.193 empregos no semestre, número equivalente a 4,28% do total do país. 
A região Norte Fluminense gerou 2.126 novas vagas em junho, acumulando um saldo de 4.817 empregos no semestre. Deste total, destaca-se Campos dos Goytacazes com um saldo acumulado 3.785 vagas, sendo 2.029 vagas, ou 53,61% no setor agropecuário; 1.266 vagas, ou  33,45% na construção civil; 503 vagas, ou  13,29% no setor de serviços e 353 vagas, ou 9,33% na indústria de transformação. O comércio eliminou 311 vagas no semestre.
O município de Macaé mantém um quadro de dificuldades no emprego formal, apesar do resultado positivo em junho. Foram gerados 632 vagas no mês, por conta da aceleração na construção civil e um saldo acumulado de -191 empregos no semestre. O setor extrativa mineral eliminou 474 vagas no semestre e o setor de comércio eliminou 166 vagas no mesmo período.
O município de São Francisco de Itabapoana apresentou um boa geração de emprego em função do incio da safra de cana-de-açúcar. Foram gerados 549 empregos, sendo 503 ou 91,62% no setor agropecuário.
São João da Barra gerou 514 novas vagas de emprego no semestre, sendo 395 no setor de construção civil e 190 vagas na indústria de transformação. O comércio gerou 12 vagas no semestre. Importante observar que o emprego continua localizado no porto do Açu. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como um discurso descuidado induz a erros grosseiros!

SITUAÇÃO DA PECUÁRIA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO EM 2012

Porto do Açu em alta e deterioração do comércio em São João da Barra