Indicativos de declínio da produtividade da atividade petrolífera na região Norte Fluminense

Os municípios produtores de petróleo da região Norte Fluminense vem perdendo participação no total da receita distribuída aos municípios brasileiros. A figura apresenta as participações dos municípios produtores da região em maio de 2004 e maio de 2013. Carapebus apresentou a maior perda de participação, ou 47,15%, seguido por Quissamã com 38,46%, Macaé 34,54%, Campos 22,15% e São João da Barra com 7,22%, a menor perda de participação entre os produtores. O sinal amarelo logo se transformará em vermelho sem que se estabeleça um entendimento sobre a melhor utilização desses recursos em direção a uma economia sustentável e geradora de bem estar para a população.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como um discurso descuidado induz a erros grosseiros!

SITUAÇÃO DA PECUÁRIA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO EM 2012

Porto do Açu em alta e deterioração do comércio em São João da Barra