Movimentação bancária em novembro de 2012 na região Norte Fluminense

A movimentação bancária em novembro de 2012 contabiliza um saldo de R$1,7 bilhão de crédito em Campos dos Goytacazes, R$ 1,4 bilhão em Macaé e R$ 121,8 milhões em São Fidélis. Este município chama a atenção pelo grande volume de operações de crédito, comparativamente a São João da Barra e Quissamã, produtores de petróleo e sede de importantes investimentos em infraestrutura portuária. 
Nas operações de depósito a vista do setor privado, Macaé lidera com um saldo de R$ 301, 1 milhões em novembro, seguindo por Campos dos Goytacazes com um saldo de R$ 239,4 milhões. Os municípios de São João da Barra, São Francisco de Itabapoana e São Fidélis ficaram bem próximos, fato curioso, já que São Francisco de Itabapoana e São Fidélis não são produtores de petróleo e não são beneficiarios dos investimentos exógenos que dirigidos para São João da Barra.
nas operações de depósito a prazo, são João da Barra apresenta uma condição bem superior aos menores municípios. O gráfico apresenta a evolução dos depósitos ao longo dos meses de 2011 e 2012. Observa-se um crescimento consistente dessa operação ao longo do ano de 2011.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SITUAÇÃO DA PECUÁRIA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO EM 2012

São João da Barra: uma coletividade oprimida politicamente que dá sinais de reação

Porto do Açu em alta e deterioração do comércio em São João da Barra