A crise econômica internacional freia a economia brasileira



O IBGE divulgou os indicadores do Produto Interno Bruto - PIB do Brasil, no terceiro trimestre de 2011. Com crescimento 0,0% em relação ao trimestre imediatamente anterior, o setor industrial apresentou a maior queda, -0,9% seguido pelo consumo do governo com -0,7%. O destaque ficou por conta do setor agropecuário que cresceu 3,2% no período.

A indústria, fundamentalmente, sofre com a valorização do dólar, já que apresenta duficuldade competitiva no comércio internacional, além da crise econômica que se espalha pela Europa e Estados Unidos. Quanto ao setor agropecuário, a concorrência não é tão agressiva internacionalmente e o Brasil tem uma forte vantagem comparativa e competitiva.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SITUAÇÃO DA PECUÁRIA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO EM 2012

São João da Barra: uma coletividade oprimida politicamente que dá sinais de reação

Porto do Açu em alta e deterioração do comércio em São João da Barra