Emprego em outubro nos municípios com mais de 30 mil hab na RNF

A movimentação do emprego formal em outubro nos municípios com mais de 30 mil habitantes, na Região Norte Fluminense, é apresentada na tabela ao lado. Campos dos Goytacazes gerou 336 empregos líquidos no mês e um acumulado de 8.008 empregos no ano. Deste, 3.568 ou 44,56% foram gerados no setor agropecuário; 2.007 empregos ou 25,06% foram gerados no setor de serviços; 1115 empregos ou 13,92% foram gerados no comércio e 876 empregos ou 10,94% foram gerados na indústria de transformação.
Macaé gerou 738 empregos no mês e 11.103 empregos no ano. Deste, 7.115 ou 64,08% foram gerados pelo setor de serviços; 1.254 empregos ou 11,29% foram gerados na construção civil e 1.658 empregos ou 14,93% foram gerados na indústria de transformação.
São Fidélis destruiu 32 empregos no mês e destruiu 23 empregos no ano.
São Francisco de Itabapoana, destruiu 42 empregos no mês e criou um saldo acumulado de 782 empregos no ano. Deste, 734 ou 93,86% foram criados no setor agropecuário e 37 empregos ou 4,73% foram criados no setor de serviços.

O gráfico ao lado apresenta a trajetória do emprego formal mensal para os municípios de Campos e Macaé. Observe que o início da safra de cana-de-açúcar coloca Campos em vantagem sobre Macaé, porém no decorrer do período, Macaé, por sua regularidade na geração de emprego, recupera a sua supremacia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SITUAÇÃO DA PECUÁRIA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO EM 2012

São João da Barra: uma coletividade oprimida politicamente que dá sinais de reação

Porto do Açu em alta e deterioração do comércio em São João da Barra