Movimentação bancária em maio na Região Norte Fluminense

Os valores na tabela representam os saldos de operações de crédito, dos depósitos a vista de governo, depósito a vista do setor privado e depósito a prazo, nos municípios da Região Norte Fluminense em maio. Campos dos Goytacazes apresentou o maior saldo de crédito no valor de R$1,1 bilhão, Macaé apresentou o maior saldo de depósito a vista do setor privado, cujo valor alcançou R$247,9 milhões e Campos apresentou o maior saldo de depósito a prazo com um valor de R$743,7 milhões.

O gráfico apresenta a trajetória de evolução dos saldos dos depósitos a prazo, no período de janeiro a maio, em São João da Barra. Observa-se que a evolução consistente dessa operação não tem gerado uma oferta de crédito na mesma dimensão. O município apresentou um saldo de depósito a prazo em maio no valor de R$ 78,2 milhões, inferior somente aos saldos de Campos e Macaé. Entretanto, o saldo de operações de crédito no mesmo mês no valor de R$26,9 milhões é inferior aos saldos de São Francisco de Itabapoana, São Fidélis e Quissamã.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SITUAÇÃO DA PECUÁRIA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO EM 2012

Porto do Açu em alta e deterioração do comércio em São João da Barra

As medidas do governo do estado e suas contradições