Valores de ICMS Transferidos pelo Estado aos Municípios da Região Norte Fluminense em janeiro de 2011

Os valores correspondentes a transferência de ICMS do Estado para os municípios da Região Norte Fluminense, são apresentados na presente tabela. Macaé recebeu R$23,6 milhões, a maior parcela na região, representando um crescimento nominal de 15,41% em relação a Janeiro de 2010. Considerando a inflação medida pelo IGP-M no período em 11,5%, o município contabilizou um crescimento real de 3,5%.
Campos dos Goytacazes, aparece em segundo lugar com uma arrecadação de R$18,7 milhões, crescimento nominal de 14,24% em relação a janeiro de 2010 e crescimento real de 2,46% no mesmo período.
Em terceiro lugar, Quissamã recebeu R$6,1 milhões, valor 16,72% maior do que o valor de janeiro de 2010. Sem a inflação, Quissamã apresentou rendimento real de 4,68%.
São Francisco de Itabapoana aparece em quarto lugar na região, com R$2,3 milhões e uma queda real de 1,73% em relação a janeiro de 2010. São João da Barra aparece em quinto lugar com uma arrecadação de R$2,1 milhões e um crescimento de 1,77% no período.
Carapebus é o sexto município com uma arrecadação de R$2,0 milhões, crescimento real de 12,63%. São Fidélis é o sétimo com arrecadação de R$1,3 milhões, valor menor 1,73% do valor de janeiro de 2010, descontando a inflação. Conceição de Macabu ocupa a oitava posição com R$1,2 milhão de arrecadação, queda de 1,04% em relação a janeiro de 2010, descontando a inflação e finalmente, Cardoso Moreira que aparece em último lugar com uma arrecadação de R$1,0 milhão, valor menor 7,67% do valor recebido em Janeiro de 2010, descontando a inflação.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SITUAÇÃO DA PECUÁRIA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO EM 2012

São João da Barra: uma coletividade oprimida politicamente que dá sinais de reação

Porto do Açu em alta e deterioração do comércio em São João da Barra