Movimentação do emprego nos municípios com menos de 30 mil habitantes na RNF

O mês de dezembro de 2010 deixou resultados insatisfatórios na movimetação do emprego nos municípios da região, com excessão de Cardoso Moreira. Conforme a tabela, São João da Barra obteve o pior resultado com um saldo negativo de 95 empregos destruídos. Quissamã destruiu 44 empregos, Conceição de Macabu 19 e Carapebus 11 empregos no mês. Cardoso Moreira gerou 5 empregos líquidos no mês. No acumulado de janeiro a dezembro de 2010, o resultado foi positivo para os municípios da região, exceto para Conceição de Macabu que destruiu 258 empregos no ano. Quissamã liderou na geração de emprego em 2010 nesse grupo de municípios, com 395 novos empregos. Pode-se observar a preocupação com a educação fundamental, já que a ocupação com maior saldo foi exatamente professor. As diversas especialidades (professor do ensino fundamental, pedagogo, professor de história, de lingua estrangeira e de ciências), tiveram os maiores salários (R$1.630 e R$1889,78). Outras ocupações geradoras de saldo de emprego positivo são: salva vidas, auxiliar de escritório, costureiro, trabalhador agropecuário, cozinhador na área de alimentos, trabalhador na pecuária.
Já São João da Barra apresentou um saldo de 257 novos empregos no ano, cuja natureza é a construção civil pesada envolvida no complexo portuário do Açu. Predominaram ocupações como: servente de obras com saldo de 130 empregos, porteiro com 33, soldados com 30, gari com 24. Os maiores salários de admissão foram para as ocupações de caldereiro, técnico de segurança do trabalho, operador de máquinas na construção civil, em torno de R$1.100,00 a R$1.600,00.

O gráfico ao lado, apresenta a trajetória do emprego ao longo do ano de 2010. Conforme o ano de 2009, o segundo semestre apresentou a mesma trajetória declinante. Outro ponto que merece uma profunda reflexão é o menor número de emprego gerado em São João da Barra, comparativamente, ao saldo gerado em Quissamã. O robusto investimento nas obras do porto do Açu não foi capaz gerar um saldo de emprego em São João da Barra superior ao saldo gerado em Quissamã neste ano.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como um discurso descuidado induz a erros grosseiros!

SITUAÇÃO DA PECUÁRIA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO EM 2012

Porto do Açu em alta e deterioração do comércio em São João da Barra