Comércio exterior de açúcar e minério de ferro em janeiro de 2011

Os preços elevados das commodityes brasileiras no ano passado, especialmente açúcar e minério de ferro, esfriaram a demanda internacional desses produtos em janeiro de 2011. Conforme pode-se observar na tabela acima, o volume de açúcar exportado em janeiro chegou a 895,4 mil toneladas, representando uma queda de 44,4% do volume exportado em dezembro de 2010 e menor 30,5% do volume embarcado em janeiro de 2010. O preço médio de US$ 558,6 por tonelada negociado em janeiro de 2011, entretanto, foi maior 8,63% do preço negociado em dezembro de 2010 e maior 33,7% do preço negociado em janeiro de 2010.

No comércio internacional de minério de ferro, o processo foi similar. O volume de 22.736,3 mil toneladas embarcadas em janeiro de 2011, representou uma queda de 29,34% em relação ao volume exportado em dezembro de 2010 e em relação a janeiro de 2010, representou um leve crescimento proporcional de 7,84%. O preço médio de US$111,70 praticado em janeiro de 2011 foi maior 1,54% do preço médio praticado em dezembro de 2010 e maior 144,95% do preço médio praticado em janeiro de 2010. Conforme pode-se observar, o comércio desses produtos interessam a Região Norte Fluminense e, naturalmente, no que diz respeito a minério, explica o grande interesse na construção do complexo portuário do Açu.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SITUAÇÃO DA PECUÁRIA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO EM 2012

Porto do Açu em alta e deterioração do comércio em São João da Barra

As medidas do governo do estado e suas contradições