Movimentação bancária em agosto na Região Norte Fluminense

A movimentação bancária em agosto é apresentada na tabela ao lado, indicando os saldos em operações de crédito, depósito a vista de governo, depósito a vista do setor privado e depósito a prazo. O município de Macaé, apesar de contabilizar o maior saldo de depósito a vista do setor privado (R$278,6 milhões), teve o segundo saldo em depósito a prazo (R$309,7 milhões) e o segundo saldo em operações de crédito (R$760,8 milhões). O município de Campos dos Goytacazes apresenta uma maior regularidade nos índices de preferência pela liquidez do público e dos bancos. Tal fato materializa melhor grau de confiança no sistema econômico interno.



O gráfico ao lado apresenta os diversos índices de preferência pela liquidez do público e dos bancos. Alguns municípios como Cardoso Moreira, Carapebus, São Francisco do Itabapoana apresentam índices de preferência pela liquidez do público muito altos, o que indica baixa confiança no sistema financeiro. Por outro lado a preferência pela liquidez dos bancos nos municípios de Cardoso Moreira, Conceição de Macabu, Quissamã, São Fidélis apresenta um grau baixo, indicando alta confiança dos bancos nos sistemas econômicos desses municípios. Chama atenção o volume de depósito a prazo em São João da Barra, ficando abaixo somente de Campos e Macaé. Entretanto, o saldo das operações de crédito não é compatível, mostrando uma alta confiança do público em relação aos bancos e um grau de confiança média dos bancos em relação ao sistema econômico local.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SITUAÇÃO DA PECUÁRIA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO EM 2012

Porto do Açu em alta e deterioração do comércio em São João da Barra

As medidas do governo do estado e suas contradições