A trajetória do comércio de açúcar

A redução da oferta de açúcar no mundo refletiu na elevação dos preços internacionais neste ano. O preço da commodity nos contratos das exportações brasileiras variou 29,67% entre outubro/janeiro. Apesar da valorização verificada ao longo do ano, observa-se que o volume exportado não segue a mesma dinamica. Depois de queda em fevereiro, março, abril e maio, no trimestre seguinte ocorreu uma leve recuperação e, posteriormente, um maior crescimento em setembro e outubro. Na evolução do período outubro / janeiro, observou-se um crescimento de 15,66% do volume exportado. O gráfico a seguir apresenta essa trajetória.










O gráfico abaixo apresenta a evolução das exportações do açúcar bruto em mil toneladas e em milhões de dólares para o período analisado. Os dados analisados mostram que a forte valorização do preço do açúcar no mercado interno não se justifica pela redução da oferta mundial, já que as exportações brasileiras não apresentaram um crescimento que justificasse um desequilíbrio tão acentuado entre a oferta e a demanda interna, capaz de pressionar os preços na ordem em que são observados.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SITUAÇÃO DA PECUÁRIA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO EM 2012

Porto do Açu em alta e deterioração do comércio em São João da Barra

As medidas do governo do estado e suas contradições