A trajetória especulativa do preço do açúcar no mercado interno

As justificativas para o acelerado aumento do preço do açúcar no mercado interno, recaem sobre a quebra de safra da India e, consequentemente, na mudança em sua condição de exportadora para importadora do bem. Conforme explica as leis do mercado, quanto menor a oferta maior é o preço. Quanto aos princípios da lei tudo bem, mas quando analisamos os dados das exportações brasileiras vimos claramente que existe um componente especulativo na trajetória de crescimento do preço do açúcar em quase 50%.


O gráfico apresenta a curva representativa do volume do produto exportado no período de janeiro a agosto de 2009. Pode-se observar que existe uma queda nos meses de fevereiro e março, com uma leve recuperação em abril. Somente em maio o volume exportado apresenta leve crescimento em relação a janeiro. Os meses de junho e julho tambem apresentam um leve crescimento, caindo novamente em agosto. Na comparação agosto / janeiro, podemos verificar um crescimento de 3,8%. A média mensal de exportação no periodo foi de 1.338 toneladas, portanto nenhum reflexo mais acentuado da mudança de posição de exportadora para importadora da India.
Contrariamente quando verificamos a trajetória da curva do preço do açúcar no mercado externo, podemos observar uma tendência de crescimento contínuo. Tal fato pode ser em função da redução da oferta no exterior, que beneficiou o Brasil na captação de mais dólares. Entretanto, como não houve uma demanda mais acentuada pelo açúcar brasileiro, o aumento do preço internamente tem um componente de especulação, já que a oferta brasileira não foi pressionada.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SITUAÇÃO DA PECUÁRIA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO EM 2012

Porto do Açu em alta e deterioração do comércio em São João da Barra

As medidas do governo do estado e suas contradições